Analiitcs

Seja a Colher...segundo Matrix



Garoto: Não tente entortar a colher.
Neo: Porque não?
Garoto: É impossível. Em vez disso, apenas tente ver a verdade.
Neo: Que verdade?
Garoto: A colher é voce.
Neo: A colher sou eu?!
Garoto: A colher não existe por si só, ela não é uma coisa, um obsjeto matérial, ela é um objeto virtual, criado por voce, devido ao fato de voce ser um decodificador das informações oriundas do provedor.
Neo: Mas este chão que estou pisando é uma coisa dura. Ele existe, não existe? Ele é feito de matéria, não é? Se não fosse matéria eu estaria caindo por ele como por um buraco, concorda?
Garoto: Preste atenção, Neo, porque este é o truque da materia. Me diga: este “chão” estaria onde está se você não estivesse também?
Neo: Sim, pois voce está no mesmo chão que eu.
Garoto: Eis o truque da realidade virtual. Já viu aqueles garotos jogando “country strike” na lan house?
Neo: Sim, já vi.
Garoto: Cada um está em um chão particular não é mesmo?
Neo: Sim, cada um está vendo o chão do seu micro!
Garoto: Da mesma forma, eu não estou no mesmo chão que voce. Eu estou no meu chão e voce está no seu. Porém, como o meu chão e o seu chão são similares, surge a suposição de que são o mesmo chão e que existem independentemente de nossa decodificação.
Neo: Então, tanto isto que chamo de “chão”, como o que chamo de “colher”, como o que chama de “Neo”, agente Smith, gato preto, etc, na verdade, sou eu?
Garoto: Exatamente! Tudo que existe pra voce só existe ao mesmo tempo que existe pra você, percebe? Você não é um humano na matrix, você é a matrix que está criando seu personagem humano, com cenário humano, aventura humana e tudo mais. Você é a matrix. Por isto, entortar a colher é entortar a si mesmo. Sentir a dureza da colher é sentir a si mesmo, e etc...
Neo: Mas criando com que?
Garoto: Com as informações que vem do provedor! Tudo que existe pra voce, inclusive seu personagem, é fruto da decodificação constante e humana que você faz das informações que vem do provedor. Atualmente, você decodifica estas informações como valores humanos. Perceber isto é sair da matrix.
Neo: Quer dizer que sair da matrix não é sair da matrix?
Garoto: Se você é a matrix, pra onde você iria?
Neo: Não tem outro lugar.
Garoto: Neo, você está dormindo na ilusão, na inversão do virtual pelo real. Você acredita que você é uma coisa (matéria), assim como esta colher, e pensa: eu quero sair da matéria. Mas você não está na matéria, nunca esteve. É a matéria que está em você, assim como uma imagem dentro da televisão. E se quer sair da matrix, você precisa começar a desinverter a realidade.
Neo: Por que devo desinverter a realidade?
Garoto: Porque é assim que ela é de fato. E porque assim não tenta iluminar a sombra com a sombra.
Neo: E como faço para desinverter?
Garoto: Se você está gripado toma um comprimido, certo?
Neo: Certo!
Garoto: Errado! Quem fica gripado é seu personagem-virtual, não é você. O provedor envia as informações, que neste caso são pra fazer seu personagem ficar gripado, voce decodifica, então, ele fica gripado. Depois o provedor manda informações pra ele tomar um comprimido-virtual e se curar. Você decodifica, então, ele fica curado. Mas, o seu personagem humano, o comprimido, a gripe e a cura não são a realidade que voce é, são virtuais.
Neo: Se é tudo virtual, qual a razão de ser do que acontece?
Garoto: Faz parte do seu processo de provação. É um teste que você mesmo pediu para ser submetido. Se passar, pode mudar de fase.
Neo: Estou sendo testado no que?
Garoto: Se é capaz de amar o provedor acima de todas as coisas.
Neo: Só isto?
Garoto: Não! E o Agente Smith como a si mesmo.
Neo: Não pode ser a Trinity?

2 comentários:

  1. puts
    num entendo nada q esse garoto fala
    acho q é o gen de loira aparecendo de novo

    ResponderExcluir

Regras:

Não são permitidos palavrões e nem links que nada tem a ver com o propósito do post . Fora isso, tá liberado.

Caso queira ofender minha honra ou de outrem, enviar sugestões , ou elogios , favor enviar emails para carlosclonebh@gmail.com e terei prazer em responder. Ou farei só por obrigação.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...